Menu

RADIO 3 EM  

RADIO E TV 3 EM 1 

RADIO E TV  3 EM 1

  A Primeira Olaria de Cândido de Abreu

01 JAN 2015
01 de Janeiro de 2015

Conheça a história da primeira Olaria de Cândido de Abreu

Especial de Cândido de Abreu - 2013

Vista Aérea da Olaria

Fundada por volta de 1975, por Florindo Pizzaia, a Cerâmica São Pedro contava com um pequeno espaço e apenas 12 artesãos para a produção e abastecimento de algumas peças para serem comercializadas em Cândido de Abreu. Além disso, a queima da cerâmica era feita em forno caipira (amassador).

De acordo com Geovanni Pizzaia, inicialmente a família tinha uma serraria, em 1969, chamada Indústrias de Madeiras Irmãos Pizzaia LTDA, que durou seis anos. Em seguida, montaram a cerâmica aproveitando a boa matéria prima existente para produção de artesanatos.Para a produção de tijolos é necessário que o terreno ofereça barro ou argila e lenha, situação favorável, pois a região possuía inúmeras áreas de brejos e matas. Com a chegada da maromba, que transforma a argila em uma massa compacta e permite uma variedade de formatos dos blocos cerâmicos, como também melhoram a compactação do produto, o que auxilia na redução de empenos e defeitos na hora da fabricação, tudo isso reflete na resistência e qualidade do produto final, a produção aumentou de 40 mil para 150 mil tijolos/mês.
Atualmente, a produção se modernizou e as chaminés de cerâmicas estão espalhadas pelas cidades. A nossa cerâmica não evoluiu, porque a minha família não investiu em modernização. Naquela época, mil tijolos custavam um salário mínimo. Hoje, são necessários 3.400 tijolos para valer isso”, contou Geovanni Pizzaia. 
Florindo comandou a cerâmica por 15 anos. E, após o falecimento do pai, Geovanni montou a Cerâmica Encantada, em Manoel Ribas, onde mora há 23 anos. A empresa conta com seis artesãos e produz cerca de 60 mil tijolos/mês. “É um orgulho dar continuidade ao trabalho do meu pai, pois aprendi esse ofício com ele. O meu pai foi o precursor e, graças a ele, Cândido de Abreu se transformou na Capital do Tijolo”, finalizou.


Voltar

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.